Página inicial > Gospel/Religioso > A > Actos 2 > Ao Pé do Monte

Ao Pé do Monte

Actos 2


Ao pé do monte, onde Cristo se arrastava,
e ao pai ele clamava me ajuda a chegar,
com sua cruz sobre os ombros machucados,
sendo ele envergonhado não parou pra reclamar.

CORO:

Mestre querido quando olho teu sofrimento,
nem ao menos um lamento tua boca pronunciou,
e os meus pecados sobre ti foram lançados,
e no Gógota amargurado, todo sangue derramou.

Logo três pregos e o martelo foram usados,
suas mãos e os pés pregados o seu corpo levantou,
tendo ele sede logo lhe deram vinagre,
recusando ele ao cálice ao seu pai ele clamou.
Deus meu Deus meu, por que me desamparastes,
enclinando a cabeça logo ele expirou,
caminho aberto para o céu ficou traçado,
quando ele no Calvário sua vida entregou.

Seu corpo santo logo foi perfumado,
entre ricos sepultado,
o meu mestre ali ficou,
após três dias, Deus mandou seu mensageiro,
ressuscitar o meu guerreiro,
sobre a morte triunfou.

CORO: 2x

Mestre querido quando olho teu sofrimento,
nem ao menos um lamento tua boca pronunciou,
e os meus pecados sobre ti foram lançados,
e no Gólgota amargurado todo sangue derramou.

Compositor: Praxedes

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Actos 2 no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS