• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    A minha história começa
    Aonde a do mundo acabou
    Eu fui cicuteiro na Grécia
    Faquir, samurai, rei nagô

    Tudo o que hoje se diz
    Eu já dizia, mas
    Não podia falar
    Pra não embolar o sucesso de outros
    Que a máquina ainda iria lançar

    Lembra um dia em que todos saíram
    Só você precisava ficar
    Nessa noite passou o cometa
    Que você levou a vida a esperar

    "E a sua imagem ficou distante"
    Feito um antigo festival
    Ninguém se lembra do que veio antes
    Quem paga, leva
    E "não leve a mal"

    Noites em, claro
    Dias cinzentos
    Tempo que passa
    Filme de horror
    Eu tento acreditar num bom futuro
    Mas no fim em sei que nada
    Nada vai mudar

    Letra enviada por Helio Jenné
    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Acidente

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.