Página inicial > A > A Banca 011 > A Banca 011

A Banca 011

A Banca 011


Tu já sabe onde me encontrar
Não importa a hora nem o lugar
Eu sou um cara de sorte
Esquece o mundo la fora hoje tu é minha dama da noite

Esquece os problemas la fora
Só você e eu agora
Quando te vejo me sinto perdido
Não vem com essa cara se fazendo de difícil
Movo montanhas, faço ate o impossível
Pra quem você liga quando ta só
Sei que a sua resposta é meu nome
Então assume que vai ser bem melhor
Em cada esquina me pego pensando em você
Lembro como é maravilhosa te ver vestindo
''Nada''
Conto os minutos pra poder tiver
Escrevo o que sinto então tente entender
Confesso, tento te esquecer mais sempre lembro como tu geme
Uma dose vodka
Que tudo melhora
Tu fica loca eu fico ainda mais crazy
Mexe com a minha cabeça, ela vem
e me tira o foco
Coração pede que eu te esqueça
mas meu corpo te deseja e eu volto

Tu já sabe onde me encontrar
Não importa a hora nem o lugar
Eu sou um cara de sorte
Esquece o mundo la fora hoje
tu é minha dama da noite

Mina ti quero aqui, bem perto de mim
Sabe que sua noite comigo felizmente não vai ter fim
Pode ser envolver garota, comigo você esta segura
Te pucho pela cintura, beijo sua boca, arrepio tua nuca
E ti deixo maluca
Senta aqui vamos conversar, como é que faz pra tu não ir mais embora
Fica só mais um pouquinho, nesses minutos que temos a gente se enrola
Tu já sabe onde me encontrar é só me ligar, eu vou ti esperar
No dia seguinte você vai embora, mas eu sei que você vai querer voltar

Tu já sabe onde me encontrar
Não importa a hora nem o lugar
Eu sou um cara de sorte
Esquece o mundo la fora hoje tu é minha dama da noite

Compositor: Brunno Todd, Alexandre Lima, Leandro Oliveira

Letra enviada por Brunno Gabriel

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a A Banca 011 no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS