Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Silêncio que o réu tem algo a dizer em sua defesa
    em primeiro lugar eu quero deixar bem claro
    que o réu se declara culpado
    por ter magoado as únicas pessoas que realmente se importavam
    minha mãe meu irmão minha filha minha mina
    e ums poucos amigos de verdade
    as minhas finalidades eram boas ta ligado
    mas o modo como eu tentei efetuá-las é que foi errado
    agora estar preso aqui é a pior coisa que poderia ter me acontecido
    irônia ? é o maluco que nunca escutou a propria mãe
    chegar com um estranho como eu estou fazendo hoje
    e dizer ''ladrão me de ouvidos'' porque ...

    A parada deu errado eu não sei oque que que foi
    a lança tava dada aquele assalto era um boi
    era um velho uma velha fora eles os dois filhos
    Os quatro ja tavam guentado na alça de mira do meu gatilho
    tinha alguém dentro da baia que não era pra ta ali
    chego sentando o dedo não deu nem pra reagir
    to tentando entender oque foi que aconteceu
    tava tudo certo derrepente escureceu
    Eu me julgava muito esperto mas não fui o suficiente
    senti que alguma coisa atravessou a minha mente
    o coração não quer bater o pulmão não quer inflar
    tem sangue na minha boca eu não consigo respirar
    uma estranha sensação tem algo drenando a minha alma
    dali pra frente cara não deu pra manter a calma
    uma dor insuportável uma angústia sem tamanho
    vê meu corpo aquii de fora na moral é muito estranho
    caido jogado no chão, na sala da porra daquela mansão
    com os olhos aregalados um cano na cinta e outro na mão

    Mas agora do que adianta grana fama e armamento
    aqui eu to sozinho é eu e o meu lamento
    eu tento gritar mas minha voz não sai
    eu lembro que disseram que um dia a casa cai
    (2x)

    Brilhou o IML começou a remoção
    rumo ao necrotério na gaveta o ladrão
    vaguei pro meu barraco cheguei antes da notícia
    Depois colou um tempra dentro dele 3 polícia
    meu pessoal ta todo de canto olhando pensando oque será ?
    oque que ele fez aonde que ele tá
    Minha filha que tava brincando saiu batida pra dentro de casa
    papai sempre falava que os rato não prestava
    - O tia negocio é o seguinte caiu a casa do teu filho num assalto ai...
    e tem que reconhece o corpo no necrotério. tá falado!
    Depois disso se abriram, se olharam e sorriram
    mas quando eu tava vivo vinham aqui pra toma tiro
    minha mãe desesperada gritava chorava
    lembrei que eu nunca disse o quanto eu a amava
    meu irmão vindo do trampo batido pergunta oque aconteceu
    a coroa respondeu teu mano morreu
    o olho cheio d'agua ele ajuda a coroinha
    dor e muita magua a culpa é minha a mae da pequeninha onde tá ? não to ligado
    cansou de apanha quando eu chegava chapado fugiu da minhas garras
    foi embora da mathias se mando pra porto pra mora com uma tia
    eu tenho esse dom de afasta quem me quer bem
    pra mim ta muito bom mulher é o que mais tem
    minha filha quanta inocência coisa mais linda desse mundo
    a tadinha não tem culpa que o pai é vagabundo
    eu fiz pra minha filha oque meu pai fez pra mim, crescer sem ter pai é muito ruim.
    que herança que eu deixei pra ajuda na criação ?
    uma quadrada uma pesada cocaina é do patrão
    agora é muito tarde pra dá uma de bonzinho
    aqui é muito facil aqui eu tô sozinho
    sem cupiche me azedando sem ninguém metendo pilha
    me preocupa com que se não for com a minha familia
    lembrei de todos planos que eu deixava pra depois
    se pa curtí o capão, a pracinha da p2
    pequenos detalhes que em vida ti juro guerreiro que eu nunca liguei
    Agora que eu to desse lado confesso que merda adimito que errei

    Mas agora do que adianta grana fama e armamento
    aqui eu to sozinho é eu e o meu lamento
    eu tento grita mas minha voz não sai
    Eu lembro que disseram que um dia a casa cai
    (2x)

    Depois veio o velorio que eu nem quero comentar
    tipo assim rapaz comum ja dá pra imaginar
    meu corpo fico la no cemiterio santo antônio
    ainda não vi deus mais to bem perto do demonio
    quantas vezes me disseram cara eu nunca escutei
    eu não dei o tiro mais fui eu que me matei
    a morte e cara dura é pega o cara pra barbada
    grana fama e armamento por aqui não vale nada
    oque fala alto aquii é saudade e sofrimento
    aqui eu to sozinho é eu e meu lamento
    no caminho da volta pra vila passei na esquina que eu sempre ficava
    ali eu me drogava, ali eu me acabava
    mandava e desmandava se pa eu te matava
    hoje pelo menos eu não mato mais ninguém
    também morre quem atira me mandaram pro além
    percebi que a maioria nem ligo pro ocorrido
    pensei que tavam triste que eu tinha morrido
    medo e uma coisa consideração e outra
    eu só plantei o medo pra eles que se foda
    aquele cara ali eu pegava ele pra tri
    comprei varias bronca dele mais agora ele ta aí
    com uma cara deslavada conta a fita da mansão
    dis que demorou que eu sempre fui um vacilão
    na antiga puxava meu saco babava meu ovo que nem uma cadela
    agora queimando meu filme falando de mim pra toda a favela
    a malandragem é assim v}e se aprende a lição
    espero me lembra disso na outra encarnação
    ta vendo aquela mina ia curra eu não deixei
    levaram pra esquisito bem na hora eu cheguei
    sentei o dedo neles um caiu o outro fugiu
    falaram que eu tinha morrido e ela disse ele pediu
    nem ao menos se lembrou daquela vez que eu ajudei
    lembrança dos assalto dos maluco que eu matei
    então eu me lembrei que tinha feito tudo errado
    0 pros acerto nota 100 pro meus pecados
    voltei no meu passado com a faquinha na cintura
    Não vai deixar na reta se brilhar a viatura
    se pa matava aula pra pode bate uma bola
    a rainha dos baixinhos é uma latinha de cascola
    minha mãe se esforçava ela trampava mais não dava
    Deus eu to ligado quanto ela se matava
    mês de junho o inverno eu de calção e chinelo
    a como eu queria um Maraton preto e amarelo
    eu na esquina bem ali pertinho da auxiliadora
    dai passo um troxinha desses filho de doutora
    uma faquinha de serra encostada na garganta
    não grita não berra por que não adianta
    peguei oque eu queria mandei ir de pé no chão
    depois eu volto aqui pra pega um pro meu irmão
    a jaqueta estufada emborachada grife sul
    cara que loucura eu sô gremista e era azul
    mais agora eu to ligado é o começo do final
    hoje pouco importa se domingo tem grenal
    comecei com um maraton e no final foi bem pior
    ta afim de um mizuno vai trampa que é melhor
    hoje as puta que eu saía só pra da uma matada
    tão tudo bem sentada tomando uma gelada
    algumas tão chapada mas todas dão risada
    aqui tu encontra tudo da cachaça ate o crack
    bebe ate caí ou fuma até te dá um bac
    cara toma nota que eu não posso ta bem certo
    até depois de morto tô louco pra da uns teco
    o fulano e o ciclano vão faze uma sessão
    eu cherei com eles tem que vê a sensação
    cara a mesma coisa mais que vício desgraçado
    os vivo botam préza pra cheira com os finado
    encosto drogado e assim que eles me chaman
    pega uma de 10 que eu vo contigo e nós cheramo

    Mas agora do que adianta grana fama e armamento
    aqui eu to sozinho é eu e o meu lamento
    eu tento grita mas minha voz não sai
    lembro que disseram que um dia a casa cai

    voltei pro meu barraco fiquei só analisando
    o mano sem sossego a mãe chorando
    meu irmão se aproxima e põe um som que eu curtia
    o nome é lembranças eu escutava todo dia
    dai eu percebi tem mais alguém aqui dentro
    não era minha filha não era o vento
    quem é aquele cara ele não é da vizinhança
    falava baixinho a palavra vingança
    meu irmão atucanado pega o cano na mão
    quis sair pra rua minha mãe diz que não
    então me aproximei eu vi o cara enxergava
    tirei a conclusão era uma alma penada
    a coroa pega o terço começo a oração
    o cara saiu fora acalmando a tensão
    mas cade o opala preto rebaxado de bandido
    cade a casa nova que eu havia prometido
    falei pro meu irmão fase uns curso que eu pagava
    menti pra minha filha que domingo nós brincava
    hoje eu sou o destaque escuta o Sergio zambiasi
    cara eu ja tava vivo se atendimento resucitasse...

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Yrmandade Catraia

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.