Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    A minha vida mudei ela derepente
    Inteligente não precisa trabalhar
    Saí de casa só no peito e na coragem
    E caí na malandragem fui aprender a dançar
    Primeira noite eu entrei numa boate
    Não dou nada por empate e uma dona fui tirar
    Eu rebolava que dava nó nas cadeiras
    E a mulata faceira de mim começou gostar
    E não sou trouxa passei a conversa nela
    Tomei o dinheiro dela fui pra uma mesa jogar
    Os malandruchos não entenderam a camanga
    Com quatros cartas ma manga eu só tinha que ganhar

    Na outra noite já entrei noutro ambiente
    Distintamente mais levei meu violão
    Meu terno branco colarinho engomado
    Malandrinho diplomado com uma noite de função
    Cantei um samba de adelino moreira
    Começou a brincadeira quando prestei atenção
    Os malandruchos que tinham sido explorados
    Com a mulata do lado me pediram explicação
    Entrei na briga dei pernada dei rasteira
    Quatro ou cinco na poeira eu fiz rolar pelo chão
    Chegou a cana depois que eu tinha engrossado
    O salão todo quebrado me levaram pra prisão

    O delegado era meu chapa meu amigo
    Tirou o castigo fui pra farra novamente
    De terno novo com uma gravata rocha
    Com o dinheiro dos truxas entrei numa diferente
    Quanta mulher, quanta bebida, quanto jogo.
    Fingi que cheguei de fogo mas estava consciente
    Sorria muito me fazia humanitário
    Ia firme no otário e chamava de parente
    Hora jogava, hora bebia, hora dançava
    Quanta mulher que sobrava pro malandro inteligente
    Certa manhã eu levei um susto danado
    Na cama fui acordado com a mary em minha frente.

    Falado mary:
    "levanta teixeira, nos temos que viajar
    Hoje tem fandango no c.t.g.osório porto em passo fundo"

    Falado teixeira:
    "que fandango, que nada, sanfona já era
    O meu negócio agora é pandeiro, cavaco, tamburim e violão"

    Falado mary:
    "que cavaco pandeiro nada rapaz
    Você é o teixeirinha
    Um homem direito o grande cantor regionalista.
    Você se bateu a noite toda, sonhou tolices"

    Falado teixeira
    É mesmo?

    Canta teixeirinha:
    Muito obrigado dona mary terezinha,
    Acordou o teixeirinha, Foi um sonho minha gente.

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Teixeirinha

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.