Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • PLAY

    Please Just Take These Photos From My Hands
    The yellowed page of the books and books I'd forgotten that I had
    These paperbacks they know their age they smell of weight and time that's resting warm
    The opened box beside the endless box parade that haunts my house
    Is fit to split with photographs that tell the wanderlust of years smashed on to years

    When all this actual life played out
    Where the hell on Earth was I?
    I rack my brains but it won't come

    Through water damaged bloodshot eyes
    The fleeting triumphs, brazen lies
    All seem to mingle into one

    I read your name under words in your elegant hand you probably don't mean now
    I fold the letter and think of a million and one things that I could have done different

    When all this actual life played out
    Where the hell on Earth was I?
    I rack my brains but it won't come

    Through water damaged bloodshot eyes
    The fleeting triumphs, brazen lies
    All seem to mingle into one

    One gigantic fairy tale
    Of friends I haven't seen in years
    Drinking 'til the daylight hurts

    You seem friendly who are you?
    That's a lot of wine that we got through
    We've made playtime look like work.

    Please just take these photos from my hands
    Please Just Take These Photos From My Hands (tradução)
    Páginas amareladas de álbuns e mais álbuns que eu esqueci que tinha
    Esses livros com capa sabem suas idades, seu cheiro de peso e tempo que descansam bem
    A caixa aberta ao lado da parada dacaixa sem fim assombra minha casa
    Convém dividir com fotografias que contam o desejo por viagens de anos esmagados em anos

    Quando essa vida real se desenvolveu
    Onde, diabos, na terra estava eu?
    Eu torturo meu cérebro, mas isso não vem

    Através da água, olhos vermelhos estragados
    os triunfos passageiros, mentiras descaradas
    Tudo parece se misturar em uma coisa só

    Li o seu nome sob palavras em sua elegante mão
    Você provavelmente não se expressa agora
    Dpbrei a carta e pensei em um milhão de coisas que
    eu poderia ter feito diferente

    Quando essa vida real se desenvolveu
    Onde, diabos, na terra estava eu?
    Eu torturo meu cérebro, mas isso não vem

    Através da água, olhos vermelhos estragados
    os triunfos passageiros, mentiras descaradas
    Tudo parece se misturar em uma coisa só

    Um conto de fadas gigantesco
    De amigos que não vejo há anos
    Bebendo até a luz do sol nos ferir

    Você me parecia amigável, quem é você?
    Nós realmente bebemos muito vinho
    Nós fizemos nosso recreio parecer trabalho

    Por favor tire essas fotos das minhas mãos



    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Snow Patrol

    Publicidade
    404 - Not Found

    Oops! Página não encontrada...


    Algumas sugestões:
    Página inicial | TOP 100 Artistas | Meu Vagalume


    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.