Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    [1 verso - sag-z]
    O tempo nos muda, deixa de ser muda,
    É planta carnivora, hora da luta
    Crescendo sozinho, numa gruta escura,
    difícil e melhor, antes tarde que nunca
    Que nunca se faça, deixando a carcaça parada,
    Deitada num banco de praça
    Bebendo cachaça, uma vida ingrata
    Com tudo, por nada, atoa, de boa, a preguiça que mata
    Aos poucos, tá louco, não vai fazer nada ?
    A vida transforma se for trabalhada
    Sem rancor sem ódio, ponteiro, relógio
    Trabalha pra frente, pra mudar seus modos
    Seu modo de vida, e de raciocinio
    É mente de adulto, alma de menino
    Só vai ter seu fim, se errar no principio
    Começa do zero, não é como eu quero,
    Leio o manual que a vida discursa
    Explica que tudo, não passa de um jogo,
    E o jogo da minha, é roleta russa
    Arrisco, palpito, o tambor eu giro,
    Não giro a cabeça, se não sei que piro
    Mas sei que uma hora eu acerto um tiro,
    E venço a derrota que vive comigo
    Que vive contigo, que vive com todos,
    Com muitos, com poucos, que se tornam tolos
    Tolos que pensam errado, perdem por bobagem,
    Tipo golpe baixo
    A regra é clara, tudo que vai, volta,
    Talvez com escolta, bem protegido
    Quem volta sou eu, vestindo um colete,
    Não tenta a sorte, que ela tá comigo

    [refrão - sag-z]
    O mundo gira, e vagabundo pira
    Quem tava no fundo do poço hoje tá por cima
    Não é mentira, o tempo mostra sua ira
    Quem ganha com maldade, um dia a vida tira

    [2 verso - farell]
    O mundo girou agora sou eu parceiro que dita as regras
    Voltei, agora tô por cima,
    Que nem um soldado voltando da guerra
    No premio da guerra aprendi a lição
    Me tornei mais forte com o tempo né não
    Quem riu na minha queda, hoje pede perdão
    Então foda-se a população jão!
    Tudo que fiz foi por mim
    Graças ao meu Deus eu me sobresai
    Vermes na reta aguardando minha queda
    Mais o tempo mostra, não gerou sequela
    É vacilão, o mundo girou, agora o vento tá ao meu favor
    Marcas de tiro no peito, deixaram a marca de um vencedor
    Tanto se falou, que eu ia cair
    Mais eu tô de pé, sobrevivi !
    Vivi o bastante pra fazer história
    E trombar sua cara me vendo na glória
    Eu penso na hora, como era humilhado
    E pelos moleque era desrespeitado
    Agora o jogo, mudou de lado
    Não sou mais ferido, agora maltrato
    Não fica na frente, eu ultrapasso
    Tentar bater eu te distraço
    Aprendo com a vida não é ao contrario
    Nela vou correndo em busca do salario
    Tentar me trombar cê pode tenta
    Mais se eu não cair, neguin
    Ai o bicho vai pegar

    [refrão]

    [3 verso - hari mc]
    Não é preciso ver pra crer, só basta acreditar
    Acredito na minha vitória, mesmo sem enxergar
    De lá aonde selam almas e mentes
    Sei um dia ouvirei palmas vindo pra gente
    Viva!! o que você acredita, sinta
    O que te limita, limpa
    O que sua mente dita
    Tira tudo que te limita
    Falso já faliu, verdadeiro já venceu
    Então se alguém traiu, certeza que não fui eu
    E eu não minto nos meus versos, hora pra fala a verdade
    Eu sei que tô certo mas encarar a falsidade
    É foda, por isso ataco sem proclamar
    Me jogaram pro lado e deixaram ódio criar
    Me julgaram como bicho mas não me mataram
    Me jogaram como lixo, e vocês que tanto julgaram
    Vocês que me julgaram, eu só digo boa sorte
    Porque o bicho despertou e agora ele tá com fome

    [refrão]

    Letra enviada por Sag-z
    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Sag-Z

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.