Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • PLAY

    High Hopes
    Beyond the horizon of the place we lived
    when we were young
    In a world of magnets and miracles
    Our thoughts strayed constantly
    and without boundary
    The ringing of the division bell had began

    Along the long road and on down the causeway
    Do they still meet there by the cut

    There was a ragged band
    that followed in our footsteps
    Running before time took our dreams away
    Leaving the myriad small creatures
    trying to tie us to the ground
    To a life consumed by slow decay

    The grass was greener
    The light was brighter
    With friends surrounded
    The nights of wonder

    Looking beyond the embers of bridges
    glowing behind us
    To a glimpse of how green it was on the other side
    Steps taken forwards but sleepwalking back again
    Dragged by the force of some inner tide

    At a higher altitude with flag unfurled
    We reached the dizzy heights of that dreamed of world

    Encumbered forever by desire and ambition
    There's a hunger still unsatisfied
    Our weary eyes still stray to the horizon
    Though down this road we've been so many times

    The grass was greener
    The light was brighter
    The taste was sweeter
    The nights of wonder
    With friends surrounded
    The dawn mist glowing
    The water flowing
    The endless river

    Forever and ever
    Grandes Esperanças
    Alem do horizonte do lugar em que vivemos
    quando eramos jovens
    Em um mundo de imãs e milagres
    Nossos pensamentos desviaram-se constantemente
    e sem fronteiras
    O soar do sino da divisão ja começou

    Ao longo da longa estrada e descendo a calçada
    Eles ainda se encontram com a corte

    Havia um bando de maltrapilhos
    que seguiam os nossos passos
    Correndo antes que o tempo levasse nossos sonhos
    Deixando uma miriade de criaturas
    tentando nos amarrar no chaão
    Para uma vida consumida pela lenta degeneração

    A Grama era mais verde
    As luzes mais brilhantes
    As noites eram maravilhosas
    Com os amigos ao redor

    Olhando além das pontes em brasa
    resplandecendo atras de nós
    Para ver rapidamente o quanto verde era o outro lado
    Passos dados a frente mas sonambulos voltamos
    Arrastado por a força de uma maré interior

    Em alta altitude com bandeira desfraldada
    Alcançamos as alturas inebriantes daquele mundo de sonhos

    Enclausurado para sempre pelo desejo e ambição
    Ainda existe uma fome insatisfeita
    Nossos olhos desgastados ainda fitam o horizonte
    Apesar de passar tantas vezes nessa estrada

    A Grama era mais verde
    As luzes mais brilhantes
    O gosto era mais doce
    Com os amigos ao redor
    As noites eram maravilhosas
    A nevoa incandescente do amanhecer
    A agua que flui
    O rio sem fim

    Para Todo Sempre



    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Pink Floyd

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.