Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    De onde é que vem esses olhos tão tristes?
    Vem da campina onde o sol se deita.
    Do regalo de terra que teu dorso ajeita.
    E dorme serena, no sereno e sonha.

    De onde é que salta essa voz tão risonha?
    Da chuva que teima, mas o céu rejeita.
    Do mato, do medo, da perda tristonha.
    Mas, que o sol resgata, arde e deleita.

    Há uma estrada de pedra que passa na fazenda.
    É teu destino, é tua senda.
    Onde nascem tuas canções.
    As tempestades do tempo que marcam tua história
    Fogo que queima na memória
    E acende os corações.

    Sim, dos teus pés na terra nascem flores.
    A tua voz macia aplaca as dores
    E espalha cores vivas pelo ar.
    Sim, dos teus olhos saem cachoeiras.
    Sete lagoas, mel e brincadeiras.
    Espumas, ondas, águas do teu mar.

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Paula Fernandes

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.