Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    "Eu quero falar dos que mamam,
    Dos marmanjos, safados, sem vergonhas, cafajestes
    Que infestam a política nacional
    É na mão dessa gente que fica a conta do governo do Estado
    (O Governo corre para tentar impedir a instalação das CPI's)
    (Botando dinheiro na cueca?)
    Canalhas consagrados. Canalhas, corruptos, vagabundos!"

    500 mil políticos, empresários, banqueiros
    Não podem controlar 200 milhões de brasileiros
    A cooperação é a mística, que muda a política
    Além da estatística, revolução pacífica

    Ninguém reconhece um Gandhi na Cinelândia
    Mas todos reconhecem um menor na Cracolândia
    Enquanto uma pequena taxa da população que ganha
    Encima leva os filhos pra viajar na Disneylândia

    Os índios dizimados pelo poder do Estado
    Hoje usando Nike e por doenças afetados
    Falam do holocausto que aconteceu na Europa
    Mas não se estuda a África nem o país da copa

    Nacionalista, não quer dizer ser Socialista
    A minha posição é somente de Humanista
    Tiram onda de refinados, mas a miséria é grosseira
    Não se espante quando ouvir uma testemunha verdadeira

    Capitania hereditária, vendendo a Amazônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Em seus filhos tão sofridos horas a fio de insônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Maior taxa tributária, queima queima Babilônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Deputados passam férias em Fernando de Noronha

    "Sai um canalha e entra outro!"

    Nem sempre pude tá no colo da minha mãe
    Porque Collor podia tá tomando a taça de champagne
    Não tenho tanta instrução, mas tenho os meus argumentos
    Retrato de um brasileiro educado pelo entretenimento

    Quase 100 mil vão pro estadio, compram o ingresso
    Mas nem metade fazem um protesto na frente do congresso
    Desordem em progresso, com a ordem o regresso
    País da ilusão, do carnaval e do sucesso

    Fico possesso e não cesso expresso poder poético
    Válvula de expressão revolução de modo ético
    Os piores criminosos tu nunca vai saber ao certo
    Dá arrepio imaginar que quase nada é descoberto

    Ligo a televisão e quase nenhum canal salva
    Aprisionam sua mente e ainda vendem sua alma
    Pra entrar na política e tentar conseguir ajuda
    Jesus Cristo teria que vir disfarçado de Judas

    Capitania hereditária, vendendo a Amazônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Em seus filhos tão sofridos horas a fio de insônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Maior taxa tributária, queima queima Babilônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Deputados passam férias em Fernando de Noronha

    "A corrupção nesse país está no DNA
    Vi ontem dessa tribuna um deputado falar em moral
    Os bons costumes, quando o pai dele tá preso
    O tio tá preso e ele é um "laranja" dos dois
    Roubando o quê? Vacina e remédio de criança
    O pai é ladrão, denunciado na CPI e enquadrado por corrupção
    O filho tá no mesmo inquérito
    Agora não tô falando do pai que já saiu
    Tô falando do filho que quer entrar no rabo do pai
    Já tá pedindo voto aqui
    Quanto mais ladrão mais querido, mais simpático
    Trouxemos a mulher dele pra depor
    Ele é muito pior do que o pai
    Por que eu tenho até mapa da sua atuação
    Posso garantir ao senhor"

    Ladrão no Brasil se faz, como fez P. C. Farias
    Desrespeito com o povo, buzão cheio todo dia
    Serviço obrigatório por uma empresa privada
    Taxa alta e o serviço na descarga da privada

    O político tem que usar o mesmo hospital
    Que o menor que tá jogando as bolinhas no sinal
    Na matemática do Brasil é diferente ser igual
    Na fração dos dividendos subtraem sua moral

    Pátria amada brasil, eu te amo tanto
    Mas odeio ver seus filhos sem escola pelos cantos
    Mas odeio ver o estado dos hospitais do estado
    Se a família não acompanha o paciente é abandonado

    Quanto menos uma vida, um sorriso do banqueiro
    Que ganha uma fortuna com a desgraça do brasileiro
    Financiam as campanhas, rabo preso por dinheiro
    Zeitgeist 1, 2, 3, já vi esse filme inteiro

    Capitania hereditária, vendendo a Amazônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Em seus filhos tão sofridos horas a fio de insônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Maior taxa tributária, queima queima Babilônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?

    "Ninguém se dispôs a levantar a podridão do seu comportamento"

    Petrobrás em leis de incentivo banca o cinema
    Mas em um vazamento destrói todo um ecossistema
    Uma empresa decidir o rumo de uma cultura
    É o mesmo que o Sol girar em torno da Lua

    Existem coisas na vida que não tem volta
    Tanto nosso dinheiro, quanto a nossa revolta
    Tanto um mico leão, quanto um urso panda
    Só que essa informação não vai pra propaganda

    Evento pago em patrocínio através da Rouanet
    Mas 40 conto a entrada irmão? Não dá pra entender...
    Depois reclamam que o povo não tem acesso a cultura
    Não queremos só comida, queremos acesso sem censura

    Poder de opção e investimento maciço
    Não nas Ilhas Cayman e nem no seu banco suíço
    Cidadão brasileiro, não se canse
    Tenha fé que a liberdade sempre estará ao alcance

    Capitania hereditária, vendendo a Amazônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Em seus filhos tão sofridos horas a fio de insônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Maior taxa tributária, queima queima Babilônia
    Que vergonha pátria amada, até quando Brasil colônia?
    Deputados passam férias em Fernando de Noronha

    "Eu estou indignada senhor presidente
    Corrupção, formação de quadrilha, artigo 288
    Corrupção passiva, artigo 317
    Advocacia administrativa artigo 321 do Código Penal
    E ele vem com cinismo aqui e se lança
    Se lança do vão da Ponte Rio-Niterói"

    Em Brasilia, formação de quadrilha
    Nas Câmaras Municipais, formação de quadrilha
    Nas milícias, formação de quadrilha
    Nos governos estaduais, formação de quadrilha

    Em Brasília! Formação de quadrilha...
    Em Brasília! Formação de quadrilha...
    Em Brasília! Formação de quadrilha...
    Quase todos são: vagabundos!

    "Eu vou dar os nomes dos deputados associados à essa camarilha
    E acho que vão sobrar poucos... Obrigada"


    (IgorFz)

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Oriente

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.