Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Siga o Vagalume
    Twitter Google+ YouTube Tumblr
    Publicidade

    As Três Faces de Elvis

    35 anos após a morte do ídolo, o Vagalume relembra a história do Rei do Rock

    Há 2 anos da Redação

    Elvis Presley letras
    É praticamente impossível conceber o cenário musical como o conhecemos hoje se Elvis Presley não tivesse nascido.

    Ele é daquelas presenças se faz sentir em todos os ramos da música popular mesmo que muitas vezes isso nem seja rapidamente eprcebido. Querem exemplos?
    Não vamos nem citar sua influência como cantor e como figura mais do que fundamental para o pop e o rock. Mas pensem: Se ele não tivesse feitos seus shows mega-produzidos em Las Vegas será que teríamos as apresentações super produzidas de U2, Madonna ou Lady Gaga que hoje rodam o mundo faturando bilhões?

    Elvis Presley letras
    E não foi ele que meio que criou a imagem do artista gangsta ao andar pra lá e pra cá com a tal "Gangue de Memphis" (um agrupamento de seguranças, puxa sacos e amigos prontos para fazer tudo o que o seu líder precisasse vistos na foto ao lado)?

    Foi ele também o primeiro a criar o conceito do terceiro ato. Sabe quando um artista que foi muito popular reaparece com froça total após anos vivendo à margem ou só atingindos eus fãs mais fiéis?
    Elvis já tinha feito isso em 1968. Até o formato "acústico MTV" parece ter sido criado por ele (vejam o especial da NBC quando ele se encontra com os músicos que o acompanharam no começo).

    Elvis Presley letras
    E esse papo de trazer cantores há muito mortos de volta aos palcos via holograma? Bom, há mais de 15 anos se é possível ver um show onde o cantor, em uma tela, "canta" acompanhado pela mesma banda que o secundava - algo que poderá ser visto mês que vem pelos brasileiros.
    É por isso, e muitos outros motivos, que mesmo 35 anos após a sua morte sua presença siga tão viva, como se ele nunca tivesse morrido.

    Nessa matéria especial ajudamos a desvendar um pouco do mito Elvis Presley dando uma esmiuçada nos três momentos fundamentais de sua carreira, dando dicas de discos e músicas para quem quiser conhecer o ícone mais a fundo.

    O Primeiro Grande Ídolo do Rock

    Elvis Presley letras
    A história já é bem conhecida e tem contornos de lenda. Mas diz-se que o produtor Sam Phillips costumava dizer que o dia em que encontrasse um cantor branco de voz negra ficaria milionário. Até que um belo dia um garotão de nome Elvis Aaron Presley que trabalhava como caminhoneiro chegou no estúdio com a intenção de gravar um disco com a sua voz para dar de presente para a sua mãe.

    O chefão ouviu o resultado, pediu para sua secretária anotar o nome do rapaz e o resto é história. Hoje em dia há quem diga que Presley foi até a Sun buscando exatamente isso, já que havia outros estúdios em Memphis fazendo esse mesmo serviço e cobrando bem menos.

    O fato é que os compactos que o cantor gravou para a "Sun Records" entre 1954 e 1956 forma a espinha dorsal do rock 'n' roll.

    DivulgaçãoElvis Presley letras
    Ali o cantor juntou blues, country, baladas pop, rockabilly e rock magistralmente, some a isso o talento de Sam para produzir e o carisma natural de Elvis e o sucesso era só questão de tempo. tanto que já em 1956 o cantor tinha um empresário do tipo mafioso, o polêmico Coronel Parker, e um contrato com a RCA.

    Curiosamente Phillips vendeu sua galinha dos ovos de ouro por meros U$35 mil - a companhia passava por dificuldades na época. Ou seja, no final das contas apesar de ter descoberto o ídolo e ter visto sua previsãos e concretizar, Sam no final não ficou milionário, mas pensem que foram esses 35 mil dólares que o ajudaram a manter a gravadora e foram eles que pagaram a gravação de Blue Suede Shoes feita por Carl Perkins.

    Elvis Presley letrasElvis Presley
    A RCA domou um pouco o lado mais cru de Elvis, mas não a ponto de descaracterizá-lo. Na verdade quase tudo que gravou nos anos 50 para a gravadora também é de ótima qualidade, incluindo aí seu primeiro álbum (ao lado), um dos grandes clássicos do século 20. A partir de 1956 a "Elvismania" foi deflagrada na América e logo no resto do mundo.
    Os shows com garotas histéricas se tornam comuns, assim como suas apresentações polêmicas na tv (seu rebolado era considerado imoral e há a clássica performance dele no "Ed Sullivan Show" em que ele só é mostrado da cintura para cima. Em 1956 ele também estreou no cinema com o filme "Love Me Tender".


    A Queda e o Renascimento

    Elvis Presley letras
    No fim dos anos 50 foi iniciado o processo para mudar a imagem de Elvis. A ideia era mostrá-lo não mais como um rebelde que instaurava o caos por onde passasse, mas sim como um rapaz simples, temente a Deus e fortemente apegado à sua família. Assim o foco no cinema foi amplificado e em 1958 ele foi mandado para o exército onde serviu por dois anos em uma base na Alemanha. Foi lá que ele conheceu o grande amor de sua vida Priscilla Beaulieu, futura Priscilla Presley, que então tinha apenas 14 anos de idade.

    A década de 60 é tida como a "perdida" do cantor, onde sob o comando de ferro de seu empresário ele passa mais tempo fazendo filmes de qualidade cada vez mais duvidosa do que gravando. A chegada dos Beatles e de Bob Dylan e de todo um novo parâmetro musical e comportamental também ajudam a deixá-lo ainda mais afastado do centro do cenário.

    Elvis Presley letras
    Não nos entendam mal. A marca "Elvis" ainda era muito forte e vendia discos ou ingressos de cinema em boas quantidades, mas isso se devia principalmente por ele ter uma base enorme de fãs fiéis o bastante para comprarem tudo que levasse o nome do Rei do Rock - basta ver que dos nove singles lanaçados por ele entre 1967 e o meio de 1968 apenas dois deles chegaram no top 40 . Estava claro que algo precisava ser feito com urgência e foi em 1968 que o artista resolveu novamente tomar o comando de sua carreira.

    A primeira medida tomada foi a de levá-lo de volta à televisão, onde ele não aparecia desde 1960. O especial para a NBC foi ao ar no dia 3 de dezembro e mostrava um artista com fome de palco, interpretando grandes músicas, se revelando um performer de raro talento e timing.

    O resultado foi um programa que se tornou clássico e que é considerado um dos mais importantes já levados ao ar pela televisão americana. Elvis estava novamente na crista, com a trilha-sonora do especial vendendo muito. Era preciso dar sequência a esse bom momento. E foi aí que ele tomou aquela que talvez seja a maior e melhor decisão de sua carreira. O cantor, que não compunha, percebeu que a qualidade das canções que chegavam até ele decaía consideravelmente.

    Elvis Presley letrasFrom Elvis in Memphis
    O motivo para isso era simples, o Coronel Parker cobrava porcentacens irreais dos compositores para que esses tivessem suas canções gravadas por Presley - e muitos topavam, afinal ainda assim os rendimentos seriam mais do que bons. Mas muitos autores já não achavam esse tipo de acordo interessante. Elvis então reuniu sua equipe e disse que a partir daquele momento, toda e qualquer música que chegasse deveria ser enviada para ele que então tomaria a decisão de gravá-la ou não, fosse por muito ou pouco dinheiro. Foi com esse espírito que ele voltou para sua Memphis natal para gravar as sessões que dariam em um de seus melhores álbuns - From Elvis In Memphis - e singles (In The Ghetto e Suspicious Minds).

    O Retorno Aos Palcos

    Elvis Presley letras
    Com a carreira novamente nos trinques Elvis decidiu que era chegada a hora de voltar aos palcos, seu habitat natural e de onde ele estava afastado há anos. Um mega-acordo foi firmado com o "International Hotel" em Las Vegas e tudo foi feito para transformar o retorno do cantor aos palcos no grande evento de 1969. Mas uma rápida olhada na agenda do cantor - 57 shows em quatro semanas! - mostra que o dinheiro e o sucesso iriam cobrar muito do astro.

    Também é curioso saber que Presley jamais se apresentou fora dos EUA - tirando alguns shows no Canadá ainda nos anos 50 - a versão que se conta é que o Coronel Parker era um imigrante ilegal na América e que ele morria de medo de ao sair não ser aceito de volta.

    Elvis Presley letras
    Assim tinha início o ato final na história de Elvis, uma época marcada mais por grandes shows do que por discos marcantes e onde as lendas sobre o comportamento cada vez mais excêntrico do cantor ganharam forma - coisas como ele se oferecer pro Presidente Nixon para ser um agente no combate às drogas, mandar um avião até Memphis para lhe trazer um sanduíche de seur estaurnate favorito ou ter o hábito de dar tiros na televisão se o programa não lhe agradasse.

    O estilo de vida de Elvis começa a cobrar seu preço a partir de 1973 e seu divórcio com Priscilla é o fator primordial para esse declínio.

    O astro começa a ingerir grandes quantidades de barbitúricos que fazem com que ele sofra uma overdose e entre em coma por pelo menos duas vezes durante o ano.

    Ele também busca refúgio na comida - especialmente nos sanduíches de banana, bacon e pasta de amendoim que tornam-se conhecidos mundialmente como "Elvis Sandwich" - o que causa inevitáveis aumentos de peso e natural diminuição de auto-estima.


    Elvis Presley letras
    O cantor ainda teria momentos de glória. Talvez o derradeiro deles tenha sido o show feito no Havaí em 1973 e transmitido para bilhões de pessoas mundo afora - o Brasil ficou de fora porque não tinha o número mínimo de televisores à cores exigidos pela produção.

    Se a sua presença nos palcos continua muito valorizada, o mesmo não pode se dizer no mercado de discos que praticamente somem das paradas de música pop - ainda que eles sigam pontuando nos charts dedicados á música adulta contemporânea ou de country.

    Os shows também se tornam irregulares, com o cantor muitas vezes se apresentando claramente sem condições físicas.

    E foi assim, melancolicamente que em 16 de agosto de 1977 Elvis Presley "deixou o edifício" (a frase que era ouvida ao final dos concertos do astro) aos 42 anos. Seu corpo foi encontrado no banheiro por um de seus guarda-costas que tinha ido apressá-lo para pegar um avião - já que uma nova turnê estava prestes a começar.

    O Legado

    Elvis Presley letras
    Obviamente a morte de Elvis renovou o interesse do grande público no astro. Seus discos voltaram às paradas e seu posto como nome maior da história do rock desde então nunca foi questionada.

    A marca "Elvis" também tornou-se extremamente valiosa, graças principalmente ao tino comercial de Priscilla Presley - foi dela a ideia de tornar o nome de cantor uma marca registrada e de tornar Graceland, a mansão onde ele morava, em um mausoléu (tanto o cantor quanto sua mãe estão enterrados lá) e em um museu aberto à visitação pública.

    Boa parte deste acervo poderá ser visto pelos brasileiros na exposição dedicada ao cantor que poderá ser conferida pelo público a partir do dia 05 de setembro no Shopping Eldorado em São Paulo com direito à presença de Priscilla Presley na inauguração para convidados e tudo.

    São Paulo, Rio, Brasília também receberão em outubro o espetáculo "Elvis in Concert" onde o cantor aparece em uma tela enquanto é acompanhado ao vivo por uma banda com diversos músicos que tocaram originalmente com ele - incluindo o monstro da guitarra James Burton em um show que promete ser inesquecível para Elvismaníacos de todas as idades e graduações de fanatismo.

    Relembre os 35 anos da morte de Elvis Presley curtindo a playlist especialíssima que preparamos para os nossos internautas!

    Letras de música
    Comente