Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Siga o Vagalume
    Twitter Google+ YouTube Tumblr
    Publicidade

    Conheça alguns dos discos mais "anticarnavalescos" já feitos

    Quer fugir das marchinhas, desfiles e axé e não sabe como? Aqui vão cinco dicas para os diversos tipos de "não-foliões".

    Há 2 anos da Redação

    Suicide letrasSuicide
    Para um carnaval radical - Suicide - Suicide - 1977
    O Suicide é tão experimental que provavelmente só estará em sintonia com os tempos atuais no dia do apocalipse. Formado pelo cantor Alan Vega (imagine como Elvis Presley cantaria se tivesse passado uma temporada no inferno) e pelo tecladista Martin Rev pilotando um órgão Farfisa modificado que faz mais barulho que qualquer banda de noise rock a banda antecipou os duos de tecnopop dos anos 80 e se mostrou mais punk que todos os punks. Não a toa seus shows sempre terminavam em pancadaria (o cd bônus desse disco traz um "show" na íntegra). Se sua ideia é ter um carnaval bastante radical vá direto para Frankie Teardrop, o "épico" com a saga de Frankie, que não pode comprar comida, é despejado e se mata.




    Einstürzende Neubauten letrasHalber Mensch
    Para um carnaval barulhento - Einstuerzende Neubauten - Halber Mensch - 1984 - Para que fazer rock só com baixo, guitarra e bateria se é possível usar britadeiras, martelos e chapas de metal? Assim pensavam os integrantes do Neubauten que começaram fazendo a música mais barulhenta do planeta. Se é que podemos chamar exatamente de música os primeiros experimentos do grupo. Aqui também temos uma banda responsável por shows que terminavam caoticamente (não foram poucas vezes onde eles quase incendiaram as casas onde se apresentavam) e pouco preocupada em agradar as massas. Em Halber Mensch eles se tornaram mais "musicais". Ainda assim ele é barulhento o suficiente para assustar os foliões que cruzarem o seu caminho.




    Slayer letrasReign in Blood
    Para um carnaval pesado - Reign in Blood - Slayer - 1986 Falar o quê de um disco que abre com "Auschwitz, o significado da dor/O jeito que eu quero que você morra". Versos como esses levaram a banda a ser acusada de nazista (em defesa eles disseram que nenhum diretor é acusado de ser nazista ao fazer um filme sobre o holocausto). O Slayer chamou a atenção do produtor Rick Rubin, que os contratou para seu selo Def Jam especializado em hip-hop. Rubin via no metal da banda o mesmo radicalismo presente nos rappers. A primeira colaboração entre os dois resultou num clássico da barulheira que não dura nem 30 minutos e marcou para sempre a história do heavy metal.




    Nico letrasDesertshore
    Para um carnaval maníaco-depressivo - Desertshore - Nico - 1970 - Mais um artista da Alemanha para "alegrar" a nossa vida. Nico causou furor com sua beleza gélida nos anos 60. Antes de virar cantora ela foi modelo e deixou Bob Dylan e Alain Delon embasbacados. Em 1966 ela entrou para o Velvet Underground com quem gravou o famoso "disco da banana". Após lançar um álbum solo mais convencional em 1968 ela achou seu som nos álbuns seguintes. A saber: sua voz bem grave pairando por um instrumental esparso onde o harmônio tocado pela cantora é o principal elemento. O resultado faz até aquele seu amigo gótico querer sair de casa para tomar um banho de sol. Boa pedida para quem quer que o carnaval inteiro tenha cara de quarta-feira de cinzas.




    The B-52's letrasThe B-52's
    Para um carnaval festivo - The B-52's - The B-52's - 1979
    Ok, você não tem muita paciência para desfiles, bailes e marchinhas, mas também não quer cortar os pulsos, explodir o mundo ou simplesmente torrar o saco dos seus amigos foliões com horas e horas de música radical. Nesse caso existem boas dicas de discos com clima festeiro o bastante para deixar você feliz e sem destoar do clima reinante dos próximo quatro dias. Os B-52's por exemplo já eram coloridos muito antes do Restart. Aqui eles cantam sobre lagostas, alienígenas e a respeito de uma lua no céu... que se chama lua em um dos melhores discos de festa já criados.



    Que músicas ou discos você indicaria para fugir do carnaval? Comente!
    Comente