Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Mais sobre
    Siga o Vagalume
    Twitter Google+ YouTube Tumblr
    Publicidade

    Esquenta Rock in Rio: Saiba quem deu o cano no festival

    Saiba quem desistiu em cima da hora de se apresentar nas quatro edições do evento

    Há 2 anos da Redação

    Smiley letrasImagem do público no primeiro Rock in Rio






























    Jay Z letrasJay-Z
    Hoje encerramos a série de "esquentas" para o Rock in Rio lembrando ps artistas que deveriam ter tocado no festival mas não puderam, ou não quiseram. De tragédias como a do Def Leppard até as lendas misteriosas (teria Robert Plant ficado com medo de voar durante a Guerra do Golfo?) as histórias dos "não shows" do Rock in Rio são fascinantes.

    Além dos casos detalhados abaixo temos mais alguns shows que não aconteceram que valem o destaque. Os Pretenders por exemplo tinham tudo para arrebentar em 1985, só que a gravidez da vocalista e líder Chryssie Hynde impediu o concerto.

    Já em 1991 foi a vez do Barão Vermelho se recusar a tocar após saberem que não poderiam passar o som - logo eles que tinham feito um dos shows mais marcantes na primeira edição do festival. Finalmente a banda de dance music Snap não tocou pelo mais bizarro dos motivos. O equipamento do grupo não chegou em tempo ao Brasil.





    O Def Leppard em 1985
    Def Leppard letras
    Em 1984 uma das bandas mais quentes do planeta era o Def Leppard. No Brasil eles ainda eram meio desconhecidos, mas isso certamente iria mudar após a apresentação deles no Rock in Rio. Infelizmente, em 31 de dezembro - onze dias antes do show no Brasil - o baterista Ricky Allen se envolveu em um gravíssimo acidente de carro que lhe custou um braço e, quase a sua vida.

    O show obviamente foi cancelado e no lugar deles entrou o Whitesnake. Em 1987 o Def Leppard voltou, e ficou ainda maior, agora com Allen usando um kit de bateria especial. Já no Brasil o grupo nunca emplacou. Se o show tivesse rolado será que a história seria diferente?





    Robert Plant em 1991
    Robert Plant letras
    O Rock in Rio II chegou em 1991 com nomes de dar água na boca. Prince, George Michael, INXS, Guns e... Robert Plant. Tudo bem que ele não estava exatamente no auge, mas dane-se, aquilo era o mais próximo que se podia chegar de um show do Led Zepellin. Infelizmente em cima da hora ele desistiu dos shows alegando estar com laringite e foi susbtituído por Billy Idol.

    Os brasileiros precisaram esperar mais três anos por um show de Plant. Mas a fissura só foi matada mesmo em 1996 quando ele tocou aqui com seu antigo colega Jimmy Page em um dos melhores shows que esse país já viu.





    O Rappa e outros brasileiros em 2001
    O Rappa letras
    A relação dos artistas brasileiros com o Rock in Rio sempre foi complicada. Desde a primeira edição, os nossos astros se viram obrigados a tocar sem poder usar o mesmo equipamento dos gringos entre outros tipos de boicote. O auge dessa briga aconteceu em 2001 quando o pessoal do Rappa abandonou o barco após reclamarem do tratamento dado a eles pela produção do festival.

    Em solidariedade, Skank, Raimundos, Jota Quest, Charlie Brown Jr. e Cidade Negra também saíram fora do festival, deixando a organização com um pepinaço nas mãos para resolver.





    Jay-Z em 2011
    Jay Z letras
    A não ser que algum imprevisto ocorra, a única baixa do quarto Rock in Rio será a de Jay-Z. A presença do rapper no festival tinha tudo para ser histórica, dando ao rap inédita posição de destaque no evento.

    As razões da não vinda do marido de Beyoncé não foram bem explicadas. Teria a ver com a promoção do Watch the Throne?

    Então por que tanto ele quanto seu parceiro no disco Kanye West estão mantendo o silêncio? Fora que a presença de Kanye West no SWU em novembro joga essa tese por água abaixo. Será então que Jay-Z está desacelerando porque vai ser pai? Um dia talvez saibamos.




    Vai no Rock in Rio? Então diga quem você quer mais ver na edição 2011 do festival.
    Comente