Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Informações do Álbum Tete a Tete Margareth
    1. Estrela Ardente e Poderosa
    2. Dandalunda
    3. Do Céu do Mar e do Campo
    4. Alegria na Cidade
    5. Marmelada
    6. Me Abraça e Me Beija
    7. Vitalunda
    8. Toté de Maianga
    9. Jeito Cativo
    10. Samba Reggae - Odé/Negrume da Noite - Depois do...
    11. O Quereres
    12. Chuviscado
    13. Blowing in The Wind
    14. Carinhoso
    15. Faraó

    x
    Ver discografia completa »
    Play
    PLAY

    Onde queres revólver sou coqueiro, onde queres dinheiro sou paixão
    Onde queres descanso sou desejo, e onde sou só desejo queres não
    E onde não queres nada, nada falta, e onde voas bem alta eu sou o chão
    E onde pisas no chão minha alma salta, e ganha liberdade na amplidão
    Onde queres família sou maluco, e onde queres romântico, burguês
    Onde queres Leblon sou Pernambuco, e onde queres eunuco, garanhão
    E onde queres o sim e o não, talvez, onde vês eu não vislumbro razão
    Onde queres o lobo eu sou o irmão, e onde queres cowboy eu sou chinês
    Ah, bruta flor do querer, ah, bruta flor, bruta flor
    Onde queres o ato eu sou o espírito, e onde queres ternura eu sou tesão
    Onde queres o livre decassílabo, e onde buscas o anjo eu sou mulher
    Onde queres prazer sou o que dói, e onde queres tortura, mansidão
    Onde queres o lar, revolução, e onde queres bandido eu sou o herói
    Eu queria querer-te e amar o amor, construírmos dulcíssima prisão
    E encontrar a mais justa adequação, tudo métrica e rima e nunca dor
    Mas a vida é real e de viés, e vê só que cilada o amor me armou
    E te quero e não queres como sou, não te quero e não queres como és
    Onde queres comício, flipper vídeo, e onde queres romance, rock'n roll
    Onde queres a lua eu sou o sol, onde a pura natura, o inceticídeo
    E onde queres mistério eu sou a luz, onde queres um canto, o mundo inteiro
    Onde queres quaresma, fevereiro, e onde queres coqueiro eu sou obus
    O quereres e o estares sempre a fim do que em mim é de mim tão desigual
    Faz-me querer-te bem, querer-te mal, bem a ti, mal ao quereres assim
    Infinitivamente pessoal, e eu querendo querer-te sem ter fim
    E querendo te aprender o total do querer que há e do que não há em mim

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Margareth Menezes

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.