Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Quando o tempo fecha o melhor às vezes é sentar e
    espera passar
    Mas nada como levantar e ir à luta, porque a vida é
    curta, não posso bobear

    Pensei mais de uma vez tentando encontrar
    Às vezes falta o chão, isso não vai me derrubar
    São pedras no caminho em prol da evolução
    A tempestade passa e tudo volta ao seu lugar.

    Minha missão é vir cantar canções
    E provar pra você que esse mundo é seu
    E não importa o quanto duro ele foi
    E se te fez balançar quando ele te bateu
    Eu sei que a vida não tá fácil amigo
    É levantar a cabeça e seguir em frente,
    Tu já ouviu o velho ditado que diz:
    A vida e simples, simples, quem complica é a gente?
    Minha terapia eu sempre fiz com rimas
    Bota a raiva pra fora e levanta a auto-estima
    Correr na frente sempre, nunca atrás
    Orgulho de si mesmo e do trabalho que faz.

    Pensei mais de uma vez tentando encontrar
    Às vezes falta o chão, isso não vai me derrubar
    São pedras no caminho em prol da evolução
    A tempestade passa e tudo volta ao seu lugar.

    Pensei, pensei, agi, corri, sofri,
    A tempestade passa sim e a luz depois volta a brilhar
    E essa ilumina no caminhar
    Eu sei que não é fácil irmão, nem tudo vem na nossa mão
    E sabe quando isso vai mudar? Não?
    Pensa ou deixa rolar, vai.

    Pensei mais de uma vez tentando encontrar
    Às vezes falta o chão, isso não vai me derrubar
    São pedras no caminho em prol da evolução
    A tempestade passa e tudo volta ao seu lugar.

    Eu amo, também odeio igual a todos e
    Não corro mais atrás do ouro dos tolos
    Nem todo mundo é igualzinho a gente
    Se tá perdendo paciência, bola pra frente
    Se tá bom, eu quero mais, a tristeza eu jogo pra trás.
    Às vezes acho que me afundo na massa (está em casa)
    Sou da esquadrilha da fumaça, né?
    A gente não sabe do jeito que vai ser julgado
    Se ajoelha e se arrepende e acha que não vai ser
    cobrado
    Penso que a gente tem uma missão a cumprir
    Não tá ligado porra, que que cê tá fazendo aqui?
    Se esconde atrás de suas inseguranças,
    Faz o papel de coitado e acha que o mundo vai ter pena
    Se tá ruim pode melhorar, se não melhorar (foooda-se)
    Mas faça com que valha a pena.

    Pensei mais de uma vez tentando encontrar
    Às vezes falta o chão, isso não vai me derrubar
    São pedras no caminho em prol da evolução
    A tempestade passa e tudo volta ao seu lugar.

    É isso.
    Na veia ainda corre aquele sangue de skatista
    Se cair eu levanto, levanto, levanto, levanto, levanto, levanto...
    Tento de novo até acertar, até acertar
    O mundo é nosso, parceiro, o mundo é nosso
    Então vai vai, vai.

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Marcelo D2

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.