Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • PLAY

    En El Muelle de San Blas
    Ella despidió a su amor
    Él partió en un barco en el muelle de San Blás
    Él juró que volvería
    y empapada en llanto ella juró que esperaría
    miles de lunas pasaron
    y siempre ella estaba en el muelle
    esperando
    Muchas tardes se anidaron
    se anidaron en su pelo
    y en sus labios

    Llevaba el mismo vestido
    y por si él volviera no se fuera a equivocar
    los cangrejos le mordían
    su ropaje, su tristeza y su ilusión
    Y el tiempo se escurrió
    y sus ojos se le llenaron de amaneceres
    y del mar se enamoró
    y su cuerpo se enraizó
    en el muelle

    Sola
    sola en el olvido
    sola
    sola con su espíritu
    sola
    sola con su amor el mar
    solaa
    en el muelle de San Blás

    Su cabello se blanqueó
    pero ningún barco a su amor le devolvía
    y en el pueblo le decían
    le decían la loca del muelle de San Blás
    una tarde de abril
    la intentaron trasladar al manicomio
    nadie la pudo arrancar
    Y del mar nunca jamás la separaron

    Sola
    sola en el olvido
    sola
    sola con su espíritu
    sola
    sola con su amor el mar
    solaa
    en el muelle de San Blás

    Sola en el olvido
    Sola con su espíritu
    Sola con su amor el mar

    Sola
    sola en el olvido
    sola
    sola con su espíritu
    sola
    sola con su amor el mar
    solaa
    en el muelle de San Blás

    Se quedó
    Se quedó
    Sola, sola
    Se quedó
    Se quedó
    con el sol y con el mar
    Se quedó ahi
    Se quedó hasta el fin
    se quedó ahi
    se quedó en el muelle de San Blás

    Sola, sola, sola
    No cais San Blás
    Ela se despediu de seu amor
    Ele partiu em um barco no cais de San Blas
    Ele jurou que voltaria
    e chorando em pranto ela jurou que esperaria
    Milhares de luas passaram
    E sempre ela estava no cais
    esperando
    Muitas tardes se aninharam
    Se aninharam em seu cabelo
    e em seus lábios

    Usava o mesmo vestido
    E se ele voltasse não iria equivocar-se
    Os caranguejos mordiam
    Suas roupas, sua tristeza e sua ilusão
    E o tempo se passou
    E seus olhos se encheram de amanheceres
    E pelo mar se apaixonou
    E seu corpo se enraizou
    no cais

    Sozinha
    sozinha no esquecimento
    Sozinha
    sozinha com seu espírito
    Sozinha
    sozinha com seu amor o mar
    Sozinha
    no cais de San Blas

    Seu cabelo se branqueou
    Mas nenhum barco seu amor lhe devolvia
    E no povoado lhe chamavam
    Lhe chamavam a louca do cais de San Blas
    E uma tarde de abril
    Tentaram leva-la ao manicômio
    Ninguém pôde arrancá-la
    E do mar nunca jamais a separaram

    Sozinha
    sozinha no esquecimento
    Sozinha
    sozinha com seu espírito
    Sozinha
    sozinha com seu amor o mar
    Sozinha
    no cais de San Blas

    sozinha no esquecimento
    sozinha com seu espírito
    Sozinha, sozinha com o sol e o mar

    Sozinha
    sozinha no esquecimento
    Sozinha
    sozinha com seu espírito
    Sozinha
    sozinha com seu amor o mar
    Sozinha
    no cais de San Blas

    ficou
    ficou
    sozinha, sozinha
    ficou
    ficou
    com o sol e com o mar
    Ficou nesse lugar
    ficou, até o fim
    Ficou nesse lugar
    ficou, no cais de San Blas

    Sozinha, sozinha, sozinha



    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Maná

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.