Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • PLAY

    Não Me Compares (No Me Compares)
    Agora que gemem mais pálidas nossas memórias
    Que há neve no televisor
    Agora que chove na sala e se apagam
    As velas do barco que me iluminou
    Agora que canta o tempo chorando seus versos
    E o mundo enfim despertou
    Agora perdido em um silêncio feroz
    Que quer desatar esses nós

    Agora enxergamos direito
    E podemos nos ver por detrás do rancor
    Agora eu te digo de onde venho
    E dos caminhos que a paixão tomou
    Agora o destino é ermo
    E nos encontramos neste furacão
    Agora eu te digo de onde venho
    E do que é feito o meu coração

    Vengo del aire
    Que te secaba a ti la piel, mi amor
    Yo soy la calle, donde te lo encontraste a él
    No me compares, bajé a la tierra en un pincel por ti
    Imperdonable, que yo no me parezco a él
    Ni a él, ni a nadie

    Ahora que saltan los gatos
    Buscando las sobras, maúllas la triste canción
    Ahora que tú te has quedao sin palabras
    Comparas, comparas, con tanta pasión

    Ahora podemos mirarnos
    Sin miedo al reflejo en el retrovisor
    Ahora te enseño de dónde vengo
    Y las heridas que me dejó el amor
    Ahora no quiero aspavientos
    Tan sólo una charla tranquila entre nos
    Si quieres te cuento por qué te quiero
    Y si quieres cuento por qué no

    Você não sabe
    Por onde andei depois de tudo, amor
    Eu sou a chave, da porta onde encontraste alguém
    Não me compares
    Não busque nela o olhar que dei a ti
    Imperdoável que eu não seja igual a ela
    Então não fale, que alguém te toca como eu toquei
    Que se acabe e que tu partas sem saber
    E para sempre, ninguém te toca como eu toquei
    Que se acabe
    Yo soy tu alma tú eres mi aire!

    Que nos separen, si es que pueden
    Que nos separen, que lo intenten
    Que nos separen, que lo intenten
    Yo soy tu alma y tú mi suerte
    Que nos separen, si es que pueden
    Que nos desclaven, que lo intenten
    Que nos separen, que lo intenten
    Yo soy tu alma y tú mi suerte
    Não me compares
    Agora que gemem mais pálidas nossas memórias
    Que há neve no televisor
    Agora que chove na sala e se apagam
    As velas do barco que me iluminou
    Agora que canta o tempo chorando seus versos
    E o mundo enfim despertou
    Agora perdido em um silêncio feroz
    Que quer desatar esses nós

    Agora enxergamos direito
    E podemos nos ver por detrás do rancor
    Agora eu te digo de onde venho
    E dos caminhos que a paixão tomou
    Agora o destino é ermo
    E nos encontramos neste furacão
    Agora eu te digo de onde venho
    E do que é feito o meu coração

    Venho do ar
    Que lhe secava a pele, meu amor
    Eu sou a rua, onde você o encontrou
    Não me compare, desci à terra em uma pluma por você
    Imperdoável, que eu não me pareça com ele
    Nem com ele, nem com ninguém

    Agora que saltam os gatos
    Buscando as sobras, você mia a triste canção
    Agora que você ficou sem palavras
    Compara, compara, com tanta paixão

    Agora podemos nos ver
    Sem medo no reflexo no retrovisor
    Agora lhe mostro de onde venho
    E as feridas que me deixou o amor
    Agora não quero espalhafato
    Apenas um bate-papo tranquilo entre nos
    Se você quiser, conto-lhe por que quero você
    E, se quiser, conto por que não

    Você não sabe
    Por onde andei depois de tudo, amor
    Eu sou a chave, da porta onde encontraste alguém
    Não me compares
    Não busque nela o olhar que dei a ti
    Imperdoável que eu não seja igual a ela
    Então não fale, que alguém te toca como eu toquei
    Que se acabe e que tu partas sem saber
    E para sempre, ninguém te toca como eu toquei
    Que se acabe
    Eu sou a sua alma, você é meu ar!

    Que nos separem, se é que podem
    Que nos separem, que o tentem
    Que nos separem, que o tentem
    Eu sou a sua alma e você, minha sorte
    Que nos separem, se é que podem
    Que nos despreguem, que o tentem
    Que nos separem, que o tentem
    Eu sou a sua alma e você, minha sorte



    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Ivete Sangalo

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.