Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Adriana tem muita gente que diz que é impossível
    Mas eu acredito sempre
    Que mudar o mundo é possível sim!

    Mudar o mundo é impossível é o que a maioria diz
    Engole a dor engole o ódio e tenta ser feliz
    Muitas vezes já pensei sinceramente em desistir
    Nessas idas e vindas da minha vida
    Certo dia numa esquina
    Fui separar uma briga dois moleques de rua
    Roupa velha toda suja naquela calçada imunda
    Retrato do descaso produto da miséria
    O clima se acalmou e nos trocamos uma idéia
    No final perguntaram quem eu era
    Sou aliado g do grupo face da morte
    Graças a deus tenho família mano eu tive outra sorte
    Aí o moleque cantou um trecho do tático cinza
    E perguntou pra mim: você já fez show lá em brasília?
    Eu respondi que sim, ele todo sorridente
    Então quando voltar lá leva um recado ao presidente
    Pra não deixar mais a polícia vir aqui bater na gente
    Mandar comida pro sertão que o povo tá passando fome
    Aqui a gente se vira roubando bolsa de madame então
    Vi os olhos dele brilhar
    Mesmo sem ter um lugar pro coitado se abrigar
    Do frio e da chuva apesar
    De sua coberta ser a lua ele é o futuro da nação
    É a esperança deitada numa cama de papelão
    Que divide a calçada com os vira-latas
    Que atravessa as madrugadas geladas
    e tem amor no coração
    E ainda pensa na fome dos irmãos do sertão
    Infelizmente essa é sua rotina
    Dessa maneira leva a vida até a próxima chacina
    Ele é apenas mais um que o imperialismo extermina
    É por essa e outras que eu não posso parar
    Preciso continuar minha luta contra isso
    Já sei qual o caminho
    Já conheço o inimigo
    Tô ligado sangue bom também sou cheio de defeitos
    Mas não posso me cansar porque não tenho esse direito!

    Eu não posso me cansar
    Porque não tenho esse direito
    Ninguém aqui tem esse direito sabe por quê?
    Nós temos esse momento aqui porque um dia
    Brasileiros foram as ruas, lutaram
    Protestaram, o povo derubou a ditadura
    O povo já tirou até presidente
    Porque não mudar o mundo?
    O meu parceiro aliado g
    Tem alguma coisa a falar sobre o presidente
    Aliado g o povo quer saber maluco
    Fala um pouco aí desse cara

    Eu acho que realmente o presidente
    Pensa que o povo passa fome só de sacanagem
    Só pra derrubar sua popularidade
    Realmente ele é um covarde!
    Quando cabral chegou, gritou: "terra a vista... "
    Puta que pariu, hoje é a prazo que ele vende o brasil!
    Às vezes eu paro e reparo, começo a pensar
    Refletir sobre essa guerra e analisar os fatores
    Geradores da miséria
    Não tem como não esbarrar na questão agrária
    Uma senhora certa vez me perguntou se eu era
    A favor dos sem terras
    Eu acho que eles agem errado
    Quem tem dinheiro não conhece o desespero
    Que existe por ai tipo lá no piauí
    Do oiapoc ao chuí... é fácil para julgar
    Quero ver a senhora ficar três dias sem comer
    Sua barriga vai roncar aí vai ser outro barulho
    Que vai te incomodar
    Você morre de fome ou vai roubar
    De repente se pá vai tirar sua bunda gorda do sofá
    Vai correr junto dos caras para também se manifestar
    Me desculpe sangue bom eu preciso desabafar
    Minha tristeza minhas dores
    Eu consigo extravasar através das lágrimas
    Até mesmo num sorriso
    O que eu carrego comigo são as dores dos outros
    Disposição até o osso não me falta pra lutar
    Não sou exagerado por pensar desse jeito
    Sou um doido sonhador que busca um mundo perfeito
    Tô ligado sangue bom também sou cheio de defeitos
    Más... eu não posso me cansar
    porque não tenho esse direito
    Eu não tenho esse direito!

    Um país onde o aposentado é chamado de vagabundo
    Onde pessoas querem somente
    Um pedaço de chão pra trabalhar
    Infelizmente é assim é o brasil!
    Pra onde a nossa nação vai?
    Pra onde o nosso país vai?
    Aí aliado g fala um pouquinho ai

    Será que alguém pode me esclarecer
    O que se faz com um bilhão que um milhão não possa fazer?
    Só pode ser... essa ganância elitista
    Somos o maior país da américa latina!
    Mas fazemos tudo errado
    Somos o maior e temos o menor salário
    A américa do norte quando libertou os escravos
    Ainda deixou 40 alqueires e uma mula aos humilhados
    Más por aqui como sempre a ganância vem primeiro!
    Rapidinho, rapidinho aprovaram a lei vergueiro
    Para fuder como os poceiros
    Garantindo a terra título e não pela ocupação
    Aí libertaram os escravos e jogaram na miséria
    Criando assim nossos primeiros sem terras!
    Onde um dia foi quilombo hoje em dia é favela
    Estabelecida sobre a terra
    Mais abaixo da miséria infelizmente
    É o que sobrou pra nossa gente
    Para mim a favela é um acampamento permanente
    Que ainda não se organizou politicamente francamente
    É um absurdo ver o povo vivendo
    a beira de tudo e não ter acesso a nada
    Vivendo em meio às cruzes à beira da estrada
    Movimentada por onde passa quem tem a onde ir
    Não sei como mesmo assim encontram forças pra sorrir
    São brasileiros tanto quanto eu e você
    Só querem terra pra plantar o que comer
    São puxadores de inchada
    que infelizmente não tem pátria seu moço
    Se deus não tiver dó amanhã não tem almoço
    É impossível ver isso tudo e me fingir de cego e surdo
    Sozinho é impossível então vamos todos juntos
    Se cada um de nos fizer sua parte
    A gente muda esse mundo
    Tô ligado sangue bom também sou cheio de defeitos
    Mas não posso me cansar porque não tenho esse direito!

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Face da Morte

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.