Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • PLAY

    Proserpina
    Six nuis six toujours
    Parle à ces voix
    Elle ment m'a levée mon enfant
    Depuis si long temps

    Sème saigne tout seréveille à l'infini
    Cendres, ma peau craquelle (J'ai tout détruit)
    Diurne j'épie la nuit, Dieu mon père m'aasservie ici
    Seule, je suis encore là folle

    Et jesaigne, quand je suis seule
    Mon père doit me chercher
    Depuis je meurs sans jamais partir
    Depuis je m'etrangle sans jamais mourir
    Je voudrais m'endormir pour, par toujours

    Sème saigne tout seréveille à l'infini
    Cendres, ma peau craquelle (J'ai tout détruit)
    Diurne j'épie la nuit, Dieu mon père m'aasservie ici
    Seule, je suis encore là folle
    Je cherche encore, mais quoi?

    Fille diurne, je fuis la nuit
    Dieu mon père m'a asservie ici
    J'encoute le vent j'eteins la vie
    Détruis l'espoir moi l'invariable
    Dernier produit stable
    Je n'ai pas d'âge, je ne me souviens pas
    L'heure est fausse et le temps me dévisage

    Moi, l'elue, je crois, vois, ploie
    Pédophage j'avale ma chair mon sang
    Mon sang, mon chair, moi, je crois!


    Por: Ynna Eths (Brasil)
    Prosérpina
    Seis noites, sempre seis
    falando com essas vozes
    Ela está mentindo
    Eu despertei a minha criança, assim, logo

    Porcas, vocês sangram e todos acordam para o infinito de cinzas
    Com o ódio, minha pele racha (eu destruo tudo)
    Com o dia eu assisto a noite, Deus meu pai, escravizado aqui
    Só, que eu ainda estava aqui louca

    Eu sangro quando estou sozinha
    Meu pai está procurando por mim
    Uma vez que eu morro sem nunca deixar
    Uma vez que eu sou estrangulada sem nunca morrer
    Eu me faria dormir, para sempre

    Porcas, vocês sangram e todos acordam para o infinito de cinzas
    Com o ódio, minha pele racha (eu destruo tudo)
    Com o dia eu assisto a noite, Deus meu pai, escravizado aqui
    Só, que eu ainda estava aqui louca
    Ainda estou procurando, mas o quê?

    Filha do dia, eu voo à noite
    Deus meu pai era escravizado aqui
    Escuto o vento e desligo a vida
    Destruo a esperança, mas meu último produto invariável
    Está passando de estável
    Não tenho idade, não consigo me recordar
    O tempo está errado, olhe o meu rosto

    No exame, eu acredito, vejo as curvas
    Engulo pédophages a minha carne e meu sangue
    Na minha carne e em meu sangue, eu creio!


    OBS: Pédophage são seres vivos PRINCIPALMENTE peixes



    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Eths

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.