Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádios
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Parece crack, clack, mas é só a insegurança.
    Fui nessa com as peça e os bicos gansa.
    Estressa, é claro, cansa!
    Uísque, neon, pouca luz, ela dança.
    Aí, tô eu e meus demônio como sempre,
    hoje e sempre, cigarro, uma da quente...
    Sem fé, tudo que fala mente.
    Fundo do poço, osso, o dono da dor sente.
    Amor? busquei tipo samba dolente.
    A luz camba, a perna bamba, dependente.
    Uma cruz no plexo, reflexo deprimente.
    Por entre os dedos a vida ía
    Pique água da pia, fria.
    Ave maria, mano! Um ser humano,
    Em estado desumano, zuado, mano...
    Qual orixá me passa um pano?
    2012, é o mundo se acabando e foda-se!

    Avisem que o céu está ruindo,
    O que é pior, chegar no fundo ou continuar caindo?

    Quantos inferno cruzei
    Passei, sem anjo pra cantar?
    Quanto mar atravessei
    Segui, sem luz pra guiar?

    Ouvindo só click-clack-click-clack-boom!
    Click-clack-click-clack-boom
    Click-clack-click-clack-boom
    Click-clack-click-clack-boom

    Policia aqui mata mais que tuskegee
    Assassinos free, povo calmo como Kenny G
    Gueto tipo Nd
    Bico treme se ver que ainda somos Public Enemy
    É 1, 2 pra explodir
    Pick do re mi e boooom
    Acabou, sem zoom de câmera (Ow)
    Da câmara, dor é o que chega pra nóiz
    Quebrada, é bomba de efeito moral
    De quem num tem moral pra falar nada
    Coturnos escuros, soturnos futuros
    Me enturmo nos muros me enfurno e juro
    Que vou cobrar com juros
    Sou jogo duro, sem furo, puro, apuro num aturo
    Seguro eu me curo, contra os ideal obscuro,
    Do governo, cartel ou clã
    Meu papel é ensinar o povo a dizer hã-hã
    Sem abrir pernas como que dança Can-Can
    A nóiz cabe
    Odiar inimigos do povo viu, Kassab
    Queimam favelas, controlam a midia e distorcem a informação
    Seu mandato têm dias contados
    Nossa luta não

    Quantos inferno cruzei?
    Passei, sem anjo pra cantar,
    Quanto mar atravessei?
    Segui, sem luz pra guiar,

    Ouvindo só click-clack-click-clack-boom!
    Click-clack-click-clack-boom
    Click-clack-click-clack-boom
    Click-clack-click-clack-boom

    Letra enviada por Luukas
    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Emicida

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.