Muito mais que só letras de músicas

  • Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Eu sempre fui assim mesmo
    Firmeza total e pureza no coração
    Eu sempre fui assim mesmo
    Parceiro fiel que não deixa na mão

    É o meu jeito de ser
    Falar com geral e ir a qualquer lugar
    E é tão normal de me ver
    Tomando cerveja calçando chinelo no bar

    Não dá pra evitar bate papo informal
    Quando saio pra comprar um pão
    Falar de futebol
    E do que tá rolando de novo na televisão

    Suburbano nato, com muito orgulho
    Mostro no sorriso, nosso clima de subúrbio

    Eu gosto de fritada e jogar uma pelada
    Domingo de sol
    E fazer churrasquinho com a linha esticada
    No poste passando cerol

    Cantar partido alto, no morro,
    No asfalto sem discriminação

    Meu nome é favela
    É do povo do gueto a minha raíz
    Becos e vielas
    Eu encanto e canto uma história feliz
    De humildade verdadeira
    Gente simples de primeira
    salve ela meu nome qual é?

    Meu nome é favela
    É do povo do gueto a minha raíz
    Becos e vielas
    Eu encanto e canto uma história feliz
    De humildade verdadeira
    Gente simples de primeira

    Eu sempre fui assim mesmo
    Firmeza total e pureza no coração
    Eu sempre fui assim mesmo
    Parceiro fiel que não deixa na mão

    É o meu jeito de ser
    Falar com geral e ir a qualquer lugar
    E é tão normal de me ver
    Tomando cerveja calçando chinelo no bar

    Não dá pra evitar bate papo informal
    Quando saio pra comprar um pão
    Falar de futebol
    E do que tá rolando de novo na televisão

    Suburbano nato, com muito orgulho
    Mostro no sorriso, nosso clima de subúrbio

    Eu gosto de fritada e jogar uma pelada
    Domingo de sol
    E fazer churrasquinho com a linha esticada
    No poste passando cerol

    Cantar partido alto, no morro,
    No asfalto sem discriminação

    Por que
    Meu nome é favela
    É do povo do gueto a minha raíz
    Becos e vielas
    Eu encanto e canto uma história feliz
    De humildade verdadeira
    Gente simples de primeira
    Salve ela meu nome qual é?

    Meu nome é favela
    É do povo do gueto a minha raíz
    Becos e vielas
    Eu encanto e canto uma história feliz
    De humildade verdadeira
    Gente simples de primeira

    Salve ela meu nome é favela
    Do povo do gueto a minha raíz
    Becos e Vielas
    Eu encanto e canto uma hitória feliz
    De humildade verdadeira
    Gente simples de primeira
    Gente simples, jeito simples de Favela

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Arlindo Cruz

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.